segunda-feira, 18 de julho de 2011

IBAMA-PB orienta procedimentos sobre resgate de pinguins

Um pinguim-de-magalhães, da espécie Spheniscus magellanicus, de acordo com a plumagem, sub-adulto, foi encontrado nadando na Praia de Cabo Branco, em João Pessoa, na manhã deste domingo (17).

Ao avistarem o animal, frequentadores da praia ligaram para o Batalhão de Polícia Ambiental, que fizerem o resgate e encaminharam o pinguim ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA).

De acordo com informações do Superintendente do IBAMA na Paraíba, Ronilson José da Paz, este é o segundo ano que espécies de pinguim são encontradas nas praias de João Pessoa. Em 2009, também foi encontrado indivíduos dessa mesma espécie na Praia do Cabo Branco. "Geralmente esses animais são avistados até a Bahia. Entretanto, devido à frente fria do último final de semana, o pinguim deve ter se perdido de seus companheiros", finalizou.

O Médico Veterinário do CETAS, o Analista Ambiental Paulo Guilherme Carniel Wagner, recomenda aos pescadores e população em geral que, ao avistarem pinguins no mar, não os retirem de dentro d’água, deixando as aves seguirem sua rota naturalmente. "Caso os pinguins estejam na praia, aparentando fraqueza ou debilidade física, ao serem recolhidos não devem ser acondicionados em ambientes frios ou com gelo. As pessoas devem colocá-los em uma caixa, acomodá-los em ambiente calmo para evitar estresse e ligar imediatamente para o IBAMA, através dos telefones (83)3244-3464 ou (83)3245-4901 (CETAS), ou para o Batalhão de Polícia Ambiental (83)3218-7222, que deverão proceder o resgate do animal", concluiu.

Postar um comentário