quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Uso do tablet educacional no ensino de Biologia

O Governo Federal distribuiu na Paraíba
61.643 Tablets Educacionais.
A Secretaria de Estado da Educação (SEE), por meio do Programa Nacional de Tecnologia Educacional (Proinfo Integrado), do Ministério da Educação, realizou nos dias 16 e 17 de dezembro de 2013, no auditório da Federação Espírita Paraibana, o Seminário de Encerramento dos Projetos Um Computador por Aluno (UCA) e Tablet Educacional. O seminário aconteceu das 8 h às 17 h, com apresentações dos projetos desenvolvidos pelas escolas durante todo o ano de 2013.
 
Leia também

Na terça-feira (17), acontecem as apresentações dos projetos desenvolvidos pelas escolas estaduais utilizando os tablets educacionais. Na Paraíba, foram distribuídos pelo Governo Federal 61.643 Tablets Educacionais, sendo 46.400 para os alunos do primeiro ano do Ensino Médio e 15.243 para os professores.


Dos 14 projetos apresentados demonstrando a utilizando dos tablets educacionais no Ensino Médio, quatro foram desenvolvidos para auxiliar o ensino de Biologia:
 
  • Citologia e Reprodução Humana - Apps Educativo, pela Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Professor Lordão, de Picuí-PB
  • Redesenhando Currículo e Potencializando a Aprendizagem de Biologia através das Novas Tecnologias da Informação e Comunicação: Tablet, Moodle e Softwares, pela Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Advogado Nobel Vita, Coremas-PB
  • Uso do DST Quiz (Adolescência e Sexualidade), pela Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Coronel Jacob Guilherme Frantz, São João do Rio do Peixe-PB
  • Sistema Digestório (Evo Book), pela Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Gama e Melo, de Princesa Isabel
 
As possibilidades de utilização dos tablets educacionais em sala de aula para auxiliar na aprendizagem é plausível. Cabendo ao professor querer dinamizar suas aulas.
 
 
Postar um comentário