terça-feira, 10 de julho de 2012

MMA abre Consulta Pública para contribuições sobre práticas de manejo de três espécies da Caatinga

Umburana de cambão (Bursera leptophloeos).
Foto: Internet.
Com o objetivo de divulgar as boas práticas de manejo não madeireiro das espécies Bursera leptophloeos (umburana de cambão), Amburana cearensis (imburana de cheiro) e Anadenanthera colubrina (angico-de-caroço), além de servir de base para a capacitação de produtores, comunidades e técnicos de extensão rural, o Departamento de Conservação da Biodiversidade (DCBio), da Secretaria de Biodiversidade e Florestas (SBF), do Ministério do Meio Ambiente (MMA), abriu, nesta terça-feira (10), consulta pública eletrônica destinada a receber contribuições sobre as práticas de manejo destas três espécies da Caatinga.
 
Leia também

Imburana de cheiro (Amburana cearensis).
Foto: Internet.
A consulta pública também tem o objetivo de acrescentar as contribuições aos guias Guia sobre Boas Práticas de Extrativismo Sustentável de Angico de Caroço (PDF; 1,1 MB), Guia sobre Boas Práticas de Extrativismo Sustentável de Umburana de Cambão (PDF; 777 KB) e Guia sobre Boas Práticas de Extrativismo Sustentável de Imburana de Cheiro (PDF; 514 KB), já elaborados.  
 
As contribuições aos textos dos guias devem ser enviadas no período de 10 a 23 de julho de 2012, por meio dos formulários eletrônicos disponíveis no site do MMA.
 
A construção dos guias foi feita pela Associação Plantas do Nordeste, sob a coordenação do DCBio/SBF/MMA, visando a divulgar as boas práticas de manejo não madeireiro dessas espécies, além de servir de base para a capacitação de produtores, comunidades e técnicos de extensão rural, inserindo essas práticas nas políticas públicas de uso sustentável da caatinga.

 
Angico-de-caroço (Anadenanthera colubrina).
Foto: Internet

Postar um comentário