quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Em 10 dias, 13 tartarugas encontradas mortas no litoral da Paraíba

Tartaruga-verde (Chelonia mydas) encontrada morta no
litoral da Paraíba. Foto: Rita Mascarenhas.
A Associação Guajiru informa que nos 10 primeiros dias de 2013 já foram encontradas 13 tartarugas-verde (Chelonia mydas) mortas nas praias da Paraíba.

Leia também


De acordo com a Bióloga, coordenadora do Projeto Tartarugas Urbanas, da ONG Guajiru, Rita Mascarenhas, as tartarugas apresentavam marcas de rede de pesca nas nadadeiras e pescoço, indicando morte por afogamento, ataque de tubarão, fibropapilomatose e duas muito magras indicando ingestão de plástico.

Ainda de acordo com a Bióloga, para se evitar esta mortalidade excessiva de tartarugas no litoral da Paraíba é ter um mínimo de cuidado com a destinação do lixo, pois a espécie Chelonia mydas alimenta-se também de água-viva e portanto confunde o plástico com esses animais e morre por obstrução intestinal.

 A destruição de bancos de algas, pela pesca de arrastro, por exemplo, a contaminação da água por defensivos agrícolas, 'atropelamento' por embarcações,  rede de pesca esquecidas no mar, onde elas se prendem e se afogam, são outras causas que levam a mortalidade desses animais.

As tartarugas foram encontradas na Praia do Bessa, em João Pessoa, e na Praia de Intermares e Ponta de Campina, em Cabedelo. 


Postar um comentário